Blog > Saiba como gerenciar a cadeia logística de forma eficiente

Saiba como gerenciar a cadeia logística de forma eficiente

Fazer uma boa gestão da cadeia logística é essencial para qualquer negócio, independentemente do nicho.

Por meio desse gerenciamento, há a possibilidade de entender sobre o andamento dos pedidos, estimar prazos e fazer a cotação dos fornecedores mais adequados para cada função. Ela também contribui para a satisfação dos clientes em diferentes etapas, justamente porque há um acompanhamento mais adequado. 

Porém, entender as melhores práticas e estratégias para realizar essa gestão pode ser um desafio. Por isso, preparamos este material, a fim de que você conheça dicas práticas para agir de forma mais efetiva. Continue a leitura e saiba mais! 

Tenha controle dos fornecedores 

Na gestão logística, quando há um controle adequado dos fornecedores, alguns pontos de melhoria podem ser observados. Primeiro, você contará com maior qualidade nos processos, além de reduzir os riscos de ocorrer falta de insumos em diferentes etapas de produção. Também há a oportunidade de conseguir fechar negócio com empresas que contam com valores mais competitivos. 

Para ter uma gestão adequada das empresas parceiras, algumas práticas são recomendadas. Entre elas, destacamos especialmente: 

  • Mantenha relacionamentos sólidos com fornecedores confiáveis; 
  • Considere parcerias estratégicas para melhorar a eficiência e a confiabilidade no fornecimento; 
  • Entenda todos os processos da cadeia de suprimentos para fazer escolhas adequadas às suas necessidades; 
  • Defina quais são os critérios para a contratação de fornecedores, não considerando apenas preço, mas também qualidade dos insumos oferecidos, prazo de entrega, frete, entre outros tópicos; 
  • Realize uma pesquisa sobre o histórico daquela empresa e fazer esses registros em sistemas, para garantir maior eficiência sempre que houver a necessidade de outras contratações; 
  • Crie uma lista de todos os fornecedores já analisados para ter diferentes opções no momento de realizar um orçamento. 

Padronize processos 

A padronização de processos é importante não apenas para a gestão da cadeia logística, mas também para vários outros segmentos na empresa. Esse é um processo que demanda tempo por parte da equipe e que precisa ser bem planejado para que a execução ocorra dentro do previsto. Para te ajudar nessa tarefa, exemplificamos alguns processos que podem ser padronizados:   

  • Desenvolva estratégias para lidar eficientemente com devoluções e reciclagem; 
  • Implemente políticas de retorno e reutilização para minimizar desperdícios; 
  • Otimize rotas e modais de transporte para reduzir custos e tempo de entrega; 
  •  Utilize análise de dados para tomar decisões informadas sobre o transporte; 
  •  Identifique e avalie riscos na cadeia logística como atrasos, problemas de qualidade etc; 
  •  Desenvolva planos de contingência para lidar com situações adversas. 

Nesse sentido, indicamos que seja feita uma análise detalhada de todos os processos atuais, colhendo feedback dos colaboradores para identificar se há possibilidades de melhorias (eles, mais do que ninguém, entendem o que pode ser aperfeiçoado). 

A partir da análise desses pontos, estruture planos de ação e documente todos os processos já feitos, os que sofreram alterações e o que é de responsabilidade de cada equipe. Além disso, é importante ressaltar que apenas padronizar, sem oferecer aos profissionais um treinamento adequado sobre as mudanças e capacitações para continuamente implementar melhorias, pode ser um erro. Portanto, identifique as dificuldades do time e trace também um planejamento para implementar essa estratégia. 

Ao final, assim como em qualquer outra atividade a ser executada para a gestão da cadeia logística, é interessante analisar os resultados. Muitas vezes, algumas modificações podem não surtir o efeito esperado. Com isso, é papel da gestão identificar qual foi o retorno e o que pode ser feito de diferente em um próximo ciclo.  

Otimize a comunicação 

Otimizar o processo de comunicação no setor logístico contribuirá de forma efetiva para alinhar expectativas e garantir que todas as pessoas caminhem na mesma direção. Por essa razão, o que pode ser feito para a otimização é: 

  • Estabeleça um canal oficial de comunicação, no qual as pessoas terão acesso aos principais processos da cadeia logística, à solicitação de compras, entre outras atividades que podem ser exercidas em uma ferramenta própria para o setor; 
  • Promova clareza nas comunicações e capacitar principalmente gestores sobre essa habilidade, uma vez que isso reflete na satisfação de profissionais e, consequentemente, nos resultados alcançados; 
  • Transmita a cultura organizacional a todas as pessoas, de modo que elas entendam sobre a missão, a visão e os valores do negócio e possam agir em seu dia a dia para reforçar esses tópicos; 
  • Estimule a cultura de feedback, pois ela contribui para que todas as pessoas da equipe entendam a percepção de colegas e lideranças sobre os pontos em que mandam bem e os pontos que devem ser aperfeiçoados; 
  • Utilize a tecnologia como aliada, centralizando em um único sistema todas as necessidades da empresa.  

Automatize processos 

A automatização de processos logísticos viabiliza a redução de custos da empresa e o aumento da produtividade de todo o time, além de possibilitar mais organização e gerenciamento do setor. Isso sem falar que facilita as tomadas de decisão estratégicas, pois elas ocorrerão com base em dados. 

Além disso, ressaltamos a possibilidade de centralizar de forma democrática as informações, contribuindo para que toda a equipe tenha acesso ao que for necessário para a rotina de trabalho. 

Nesse sentido, entre as práticas que podem ser adotadas, ressaltamos: 

  • Entender os resultados da empresa e identificar o que pode ser aprimorado, verificando quais são as soluções existentes no mercado para isso; 
  • Identificar as necessidades operacionais do negócio, entendendo para quais processos manuais já existem ferramentas disponíveis; 
  • Implementar sistemas de gerenciamento de armazém (WMS) e de gestão de transporte (TMS); 
  •  Utilizar tecnologias como o RFID e automação para otimizar processos. 

Estabeleça indicadores 

Por fim, recomendamos que haja o monitoramento de indicadores de sucesso para a área logística da empresa. Por meio deles, a organização tem a possibilidade de verificar inconsistências e de focar no que realmente é preciso melhorar, além de ter um acompanhamento contínuo dos dados que realmente farão a diferença para atingir os resultados macro da empresa. 

Entre os KPIs que podem ser analisados, destacam-se: 

  • Média de tempo gasto para a entrega dos pedidos; 
  • Número de entregas realizadas em determinado período; 
  • Qualidade do produto e nível de satisfação do cliente em sua experiência; 
  • Taxa de extravio, entre outros.  

Neste conteúdo, você pôde ver dicas práticas para realizar uma melhor gestão da cadeia logística. Nesse sentido, é importante contar com soluções e tecnologias que realmente façam a diferença para a realidade da sua empresa, de modo que tarefas manuais sejam substituídas por ferramentas e colaboradores possam focar no que realmente é estratégico para o negócio. 

Fonte: Senior

Leia Também

Cadastre-se e receba novidades sobre gestão e tecnologia

    Eu concordo em receber comunicações personalizadas

    Li e concordo com a Política de Privacidade da Synergie, que pode usar as informações aqui fornecidas para entrar em contato via e-mail, telefone ou whatsapp

    Senior Sistemas é na Synergie!
    Canal de Distribuição Senior, a Synergie é especializada em soluções de tecnologia e processos que garantem alta performance e inovação para a gestão corporativa.

    Copyright Synergie © Todos os direitos reservados